Exposição

#exporodin: faça uma visita mediada

Em apenas 15 dias, mais de duas mil pessoas se inscreveram, por e-mail ou telefone, para conhecer a exposição “Figura e modernidade: Rodin no acervo da Pinacoteca de São Paulo”. A exposição reunirá, entre 20 de março a 29 de junho de 2019, na Galeria de Artes do Instituto CPFL, em Campinas, a coleção completa da Pinacoteca do Estado de São Paulo referente ao artista francês. Esta será a primeira vez que as obras serão expostas no interior paulista.

A exposição é o resultado de uma parceria entre o Instituto CPFL, plataforma de investimento social do Grupo CPFL, e a Pinacoteca.

Ao todo, 64 grupos fizeram o agendamento para conhecer a exposição. São grupos de professores, adultos, jovens e crianças de escolas públicas ou particulares de vários municípios, entre eles Campinas, Valinhos, Amparo, Indaiatuba, no interior de São Paulo, e Botelhos, em Minas Gerais.

Entre os interessados, há ainda um grupo de estudantes de arquitetura e o grupo de uma igreja presbiteriana. As visitas são realizadas em grupos de até 45 pessoas. Educadores estarão no local para atender o público, e o agendamento de visitas pode ser feito por e-mail monitoriainstitutocpfl@gmail.com ou pelo telefone (19-3756-8000).

A exposição contará com recursos educativos, desenvolvidos pelo NAE – Núcleo de Ação Educativa da Pinacoteca, para uso autônomo, que estimulam a participação do público de todas as idades, criando novas relações com as obras.

Além disso, será realizado um encontro de formação, no dia 30/03, das 9h às 12h, para professores interessados em tratar dos temas em sala de aula. O encontro abordará a linguagem da escultura e trará um breve panorama sobre o trabalho de Rodin. A ideia é colocar em diálogo os conceitos que envolvem a aprendizagem da arte na escola e em espaços culturais.

Nos primeiros 15 dias desde abertura das inscrições, 47 professores confirmaram presença neste encontro de formação – ao todo são 139 vagas.

A exposição, que tem a curadoria de Valéria Piccoli, curadora-chefe da Pinacoteca, reúne 10 esculturas originais e 76 fotografias documentais da vida do artista.

A entrada é gratuita. A partir do segundo semestre, as obras seguem para o Fórum das Artes, em Botucatu, novo espaço cultural reformado pelo Governo de São Paulo.

__ __ __