cafe filosófico

Michel Foucault | Ideias que colam

Michel Foucault foi um filósofo e historiador francês que teve grande influência no pensamento do século 20, e ainda hoje é referência. Ele dedicou sua vida a criticar instrumentos de poder e controle da sociedade, como a polícia, a escola, os sistemas de justiça, os médicos e a psiquiatria. Ele pretendia entender como o poder opera em diversos níveis, para assim ser possível confrontá-lo e mudar a sociedade.

Um de seus livros mais famosos é chamado “Vigiar e punir, história da violência nas prisões”.
Este livro é de 1975, quando ainda não existiam câmeras de segurança ou celulares, mas podemos atualizar o pensamento do historiador para entender a própria internet como um gigantesco panóptico global. Ele diz que as escolas seriam parecidas com prisões, inclusive na sua arquitetura. Para ele, a educação precisa libertar, e em geral faz o contrário.

Outros escritos muito importantes de Foulcault falam da sexualidade e da loucura. Como historiador, ele dizia que antigamente os loucos eram mais bem tratados que hoje. Andavam livres, eram vistos como diferentes, não como pessoas que precisavam de cura. É a medicina contemporânea que teria inventado mais uma prisão para essas pessoas, os manicômios.
O mesmo com o sexo. Para ele, tinha menos tabus antigamente. Ele recupera a arte erótica medieval, especialmente oriental, para mostrar o quanto o prazer livre era mais importante do que as regras impostas pela sociedade atual.
https://vimeo.com/386539315