Música
29
abr

#músicacontemporânea | piano brasileiro

  • instituto cpfl
  • 20:00

Mosaico
As apresentações do módulo Mosaico, de abril a junho, desafiam os conceitos e preceitos que dividem a música popular da erudita nos séculos 20 e 21 e mergulham na realidade política que nos cerca. Em abril, dois concertos ilustram a proximidade do erudito e o popular na música brasileira com os choros de Guerra-Peixe tocados por Nailor Proveta & Picadinho da Velha e com um recital de Hercules Gomes, apresentando uma história do pianismo brasileiro com ênfase em Nazareth, Chiquinha Gonzaga e Radamés Gnattali.

Thais Nicolau

_____________

_29 de abril | 20h| Piano Brasileiro

Com repertório de composições próprias e músicas de grandes compositores brasileiros como Ernesto Nazareth, Radamés Gnattali, Edu Lobo, João Bosco, e Dominguinhos, o pianista Hercules Gomes oferece um programa que ilustra a evolução da linguagem pianística brasileira nos últimos 150 anos.

Hercules Gomes, piano

Programa:
Matuto (1917)
Confidências (1913)
Atlântico (1921)
Ernesto Nazareth (1863-1934)
Valsarola para Ernesto Nazareth (2015)
Hercules Gomes (1980)
Corrupião (1993)
Edu Lobo (1943 – )
Allegro em 3 (2006)
Canhoto (1958)
Radamés Gnattali (1906-1989)
Duda no Frevo (s.d)
Senival Bezerra do Nascimento (Senô) (1932-2000)
Toada (2012)
Pierrot (s.d.)
Marcello Tupynambá (1989-1953)
Um Baile em Catumbi/Olinda (s.d.)
Eduardo Souto (1882-1942)/Tia Amélia (1897-1983)
Corta-jaca (1902)
Chiquinha Gonzaga (1847-1935)
De Frente pro Crime (1975)
João Bosco (1946)
Platônica (2008)
Hercules Gomes
Princesinha do Choro (1995)
Dominguinhos (1941-2013)
Nação Primeira (2012)