divulgação
Concertos > como soaria a música de nazareth se ele vivesse hoje?

como soaria a música de nazareth se ele vivesse hoje?

dez criadores contemporâneos brasileiros aceitaram o desafio e fizeram músicas a partir da malemolência do autor de “odeon”

mário de andrade definia nazareth como “compositor brasileiro dotado de uma extraordinária originalidade, porque transita com fôlego entre a música popular e erudita, fazendo-lhe a ponte, a união, o enlace”. nascido em 1863, ernesto nazareth tem sua obra colocada num lugar de difícil definição, porém reveladora da música brasileira e da alma carioca.

neste concerto acontece a estreia no estado de são paulo de dez obras encomendadas pelo pianista alexandre dias a compositores contemporâneos. as obras foram escritas nos últimos três anos e fazem um tributo ao compositor brasileiro.

são nove compositores brasileiros e um norte-americano, num arco histórico em que o primeiro deles nasceu nos anos 1920 e o mais novo na década de 1980. um caleidoscópio representativo das diferentes estéticas contemporâneas que reflete as profundas influências da música de nazareth e dos elementos do choro na música do século XXI.

o recital é parte da série com curadoria da pianista thais nicolau, “a arte do diálogo”, destinada a explorar o diálogo entre as linguagens da música de concerto europeia e os elementos originais da cultura de outras regiões.

programa

  • nazarethiana nº 2 - marlos nobre
  • tanguinho do alexandre - jorge antunes
  • passacalha para nazareth - edino krieger
  • choro dengoso - edmundo villani-côrtes
  • ernesto nazareth no cinema odeon - ricardo tacuchian
  • remembrance - david thomas roberts
  • aeroflux - ronaldo miranda
  • os devaneios de um entediado ernesto nazareth ao tocar num despovoado cinema odeon - tim rescala
  • estudo nazarethiano nº 5 (transcrição de alexandre dias para piano solo) - fabiano borges
  • passeando com nazareth - andré mehmari

intérprete

alexandre dias

alexandre dias  iniciou seu estudos de piano aos 10 anos de idade. além de pianista,  é professor e pesquisador da música brasileira do final do século 19 e início do século 20, com especial ênfase na obra de ernesto nazareth, sendo o responsável pelo maior acervo discográfico deste compositor. estudioso da música da belle époque, … Continua