a arte do diálogo

encontros de timbres que fogem do corriqueiro e pesquisam novas sonoridades, em repertório exclusivo encomendado pelo instituto cpfl de cultura

divulgação
Séries > a arte do diálogo

a música contemporânea, com suas características de experimentalismo e de constante busca pelo novo, dialoga e transita espontaneamente entre as linguagens da música de concerto europeia e os elementos originais da cultura de outras regiões. a liberdade e a variedade das linguagens musicais dos séculos 20 e 21 se inspiram e incorporam sonoridades e ritmos singulares que não só evocam lugares distantes, mas que, acima de tudo, remetem o ouvinte a características culturais e perspectivas que o intrigam e o seduzem.

esta integração cultural e peculiaridade na linguagem moderna é demonstrada durante as seis apresentações de abril a junho na sala umuarama do instituto cpfl. a violonista teresinha prada abre a série de concertos explorando elementos de africanidade e minimalismo, incluindo obras de leo brouwer a roberto victorio. grupu e cia domínio público se apresentam em seguida com o espetáculo persephassa. uma apresentação que une percussão e dança e explora as percepções sensoriais trabalhando com manipulação temporal e elasticidade espacial.

Concerto