manifestações sem direção?, com demétrio magnoli (editado)

as manifestações populares de junho de 2013 no brasil foram as maiores desde os movimentos pelo impeachment do ex-presidente fernando collor de mello, em 1992, e pelas eleições diretas, na década de 1980. no início, as jornadas de junho pediam a redução das tarifas do transporte público; após alguns casos de violência policial, multidões se juntaram às passeatas e alargaram a pauta das reivindicações, exigindo o direito à manifestação sem repressão, melhorias nos serviços de saúde e educação, reforma política e fim da corrupção, entre outras demandas. desde então, mais protestos têm se espalhado pelo país, defendendo causas diversas. neste café filosófico, o sociólogo demétrio magnoli reflete sobre motivações e consequências das jornadas de junho e discute os temas que elas trouxeram à tona: participação política, a democracia no brasil, a imprensa e a atuação de grupos como os black blocs.

gravado em gravado em 04 de outubro de 2013

sobre o cpfl play

aqui você encontrará toda a coleção de vídeos produzida em encontros do instituto cpfl desde 2003. são milhares de horas com os maiores pensadores brasileiros, artistas, convidados internacionais. todo o acesso é gratuito, e o acervo está organizado por temas, coleções, séries, palestrantes, para que você possa navegar pelo conhecimento contemporâneo da melhor maneira possível. bom proveito!