6 vídeos

humor com h: sensibilidade masculina

curadoria de fabrício carpinejar.

a série retrata as mudanças do comportamento e do papel do homem no interior das famílias contemporâneas, do homem que deixou de ser o chefe-provedor da família e, hoje, tem que dividir novos direitos e deveres com a mulher.

qual lugar a sensibilidade masculina ocupa nessas novas configurações familiares: uniões homoafetivas com filhos, pais ou mães solteiras, mulheres que engravidam na maturidade, casais com idades muito diferentes, relações a três, filhos com pai e mãe, mais padrasto e madrasta e meios-irmãos etc? como encarar essas novas situações sem cair na tragédia e no pesar? até que ponto o humor pode ser uma estratégia inovadora para a construção dos novos papéis masculinos?

sai de cena o macho caricato para dar espaço a uma figura tridimensional, mais complexa, interessada na paternidade, no romance e nos cuidados com a casa. o rei do lar é a figura masculina revolucionária que não foge dos desafios caseiros e descobre as vantagens de fazer as prendas domésticas, passeia por cada cômodo, brinca com as diferenças entre ele e sua mulher e destrói condicionamentos do sexo e do amor.

o novo homem descobriu que o poder cansa, estressa, gera infarto, enquanto a submissão assegura longevidade. como todas as empresas estão imitando o ambiente do lar, é mais confortável ser original e permanecer na própria casa. e sempre, sempre será mais prazeroso puxar o saco da mulher do que do chefe.

gravado em outubro de 2011.

 

serie (6): humor com h: sensibilidade masculina

  • documentário | a família no ritmo contemporâneo com fabricio carpinejar, xico sá, renato godá e jaime vaz brasil

    “A Família no Ritmo Contemporâneo” é um docudrama realizado a partir da série de palestras de Fabricio Carpinejar, Xico Sá, Renato Godá e Jaime Vaz Brasil. Estrelado por Jackie Obrigon, Mauricio de Barros, Guto Tognazzolo e Luiz Napolitano, o filme retrata de forma humorada situações cotidianas vividas por um casal em metamorfose com a chegada de um novo habitante no lar. Um ponto de partida para a reflexão sobre o lugar que a sensibilidade masculina ocupa no interior das famílias contemporâneas. Direção Pedro Caldas e Gabriel Ranzani.
  • íntegra | faroeste refinado: o homem armado de guitarra, com renato godá e fabrício carpinejar

    qual lugar a sensibilidade masculina ocupa nas novas configurações familiares: uniões homoafetivas com filhos, pais ou mães solteiras, mulheres que engravidam na maturidade, casais com idades muito diferentes, relações a três, filhos com pai e mãe, mais padrasto e madrasta e meio irmãos, etc? como encarar essas novas situações sem cair na tragédia e no pesar? renato godá, poeta da música, explica o quanto uma família é uma banda, cheia de vaidades, projeções, verdades, stress, projetos pessoais. ele explica como garantir a harmonia e não ser seduzido pelo individualismo.
  • íntegra | homem sensível ou macho jurubeba | xico sá

    Sai de cena o macho caricato para dar espaço a uma figura tridimensional, mais complexa, interessada na paternidade, no romance e nos cuidados com a casa. O rei do lar é a figura masculina revolucionária que não foge dos desafios caseiros e descobre as vantagens de fazer as prendas domésticas. Com Xico Sá. Palestra da série A família no ritmo contemporâneo – Humor com H: sensibilidade masculina, de Fabrício Carpinejar. Gravada no dia 14 de outubro de 2011 em Campinas.

sobre o cpfl play

aqui você encontrará toda a coleção de vídeos produzida em encontros do instituto cpfl desde 2003. são milhares de horas com os maiores pensadores brasileiros, artistas, convidados internacionais. todo o acesso é gratuito, e o acervo está organizado por temas, coleções, séries, palestrantes, para que você possa navegar pelo conhecimento contemporâneo da melhor maneira possível. bom proveito!