29
abr

29/04 | sex | 19h: café filosófico cpfl ao vivo: Neuroliteratura, Com Paulo Werneck

  • 19:00

clique aqui para assistir ao vivo a partir das 19h!

café filosófico cpfl ao vivo | abril/2016
emblemas literários do presente
curadoria: manuel da costa pinto

se a literatura é “conhecimento pela imaginação”, nas palavras do escritor mexicano carlos fuentes, a cada momento histórico corresponde uma gama de fenômenos que o definem e que atravessam suas representações ficcionais. quais seriam os principais vetores da nossa contemporaneidade e como eles são interpretados pela produção literária? realidade virtual, massificação midiática, interação com a tecnologia, dissolução do sujeito em simulacros imagéticos, manipulação sem precedentes do corpo e da mente pela ciência – essas parecem ser algumas das situações emblemáticas da experiência (e da literatura) moderna. ou, como preferem alguns, pós-moderna. ou, como preferem outros, pós-utópica.

para compreender como questões dessa natureza eclodem nas narrativas contemporâneas, este módulo do café filosófico cpfl convidou escritores e ensaístas para discutir tendências literárias que se inscrevem na longa história da representação da realidade pela literatura e, ao mesmo tempo, expressam tensões e crises que pertencem exclusivamente à vivência atual, assimilando os gêneros tradicionais e dotando-os de novos conteúdos.

29/04 | sex | 19h

Neuroliteratura

Com Paulo Werneck, jornalista, tradutor e curador da FLIP

O impacto das neurociências e das teorias cognitivas reverbera também na ficção, gerando aquilo que ensaístas como Marco Roth e Elif Batuman chamam de neuroliteratura.  Identificável em obras de escritores como Ian McEwan, Kenzaburo Oe e Jonathan Lethem, ou dos brasileiros Cristovão Tezza, Michel Laub e Daniel Galera, essa nova vertente literária substituiu o romance psicológico pelo “romance neurológico”.

local: instituto cpfl cultura (rua jorge figueiredo corrêa, 1632, chácara primavera, campinas – sp);
data: 01/04/16
horário: 19h;
capacidade: 180 lugares;
classificação etária: 14 anos;
transmissão online pelo http://www.institutocpfl.org.br/cultura/aovivo/
detalhes: entrada gratuita, por ordem de chegada, a partir das 18h. vagas limitadas (lotação da capacidade da sala);

mais informações: 19. 3756-8000